Casa Berezowski

CONSTRUÍDO

BRASÍLIA-DF, 2022

A casa está implantada em um lote urbano com ligeiro declive a partir da rua. Todo o programa foi distribuído em um só pavimento alinhado à calçada pública, o que gerou um afloramento intencional da piscina nos fundos da casa em relação ao perfil natural do terreno. Por sua vez, a piscina ocupa quase a totalidade do limite entre a casa e o quintal nos fundos do lote. Ela foi desenhada com dimensões suficientes para que um dos moradores, que é professor de natação, pudesse dar aulas em casa.
Os quartos se abrem para um jardim perimetral descoberto em um dos lados do terreno enquanto os serviços se localizam no outro lado, voltados para a área de afastamento obrigatório. A área social (sala, jantar e varanda) está voltada para o quintal e ocupa uma porção transversal da planta. A conexão direta entre o acesso frontal e a área social é feita através de um corredor-galeria com 2 metros de largura que separa a área íntima da área de serviço. Essa passagem possui 6 aberturas zenitais de iluminação e ventilação naturais.
A estrutura da cobertura da casa é formada por 8 vigas de concreto aparente moldadas no local, com extensão de 30,5 metros e espaçadas em 2,10 metros entre si. As vigas são entremeadas por vigotas aparentes do tipo laje-painel. Uma segunda malha de vigas perpendiculares segue as divisões internas dos ambientes e “amarra” o conjunto. Em alguns pontos específicos (galeria de acesso, banheiros, circulações e trechos internos da sala e varanda) a colocação das vigotas da laje-painel é interrompida por claraboias lineares de iluminação e/ou ventilação naturais. Grande parte das luminárias é embutida nessas claraboias.

Autores:
Daniel Mangabeira, Henrique Coutinho e Matheus Seco
Coordenação: Victor Machado e Giovanni Cristofaro 
Colaboração: Luciana Ribeiro
Superfície Construída: 500m2
Projeto: 2018
Construção: Grid Engenharia
Obra: 2020-2022
Fotos: Joana França

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Casa Berezowski

CONSTRUÍDO

BRASÍLIA-DF, 2022

A casa está implantada em um lote urbano com ligeiro declive a partir da rua. Todo o programa foi distribuído em um só pavimento alinhado à calçada pública, o que gerou um afloramento intencional da piscina nos fundos da casa em relação ao perfil natural do terreno. Por sua vez, a piscina ocupa quase a totalidade do limite entre a casa e o quintal nos fundos do lote. Ela foi desenhada com dimensões suficientes para que um dos moradores, que é professor de natação, pudesse dar aulas em casa.
Os quartos se abrem para um jardim perimetral descoberto em um dos lados do terreno enquanto os serviços se localizam no outro lado, voltados para a área de afastamento obrigatório. A área social (sala, jantar e varanda) está voltada para o quintal e ocupa uma porção transversal da planta. A conexão direta entre o acesso frontal e a área social é feita através de um corredor-galeria com 2 metros de largura que separa a área íntima da área de serviço. Essa passagem possui 6 aberturas zenitais de iluminação e ventilação naturais.
A estrutura da cobertura da casa é formada por 8 vigas de concreto aparente moldadas no local, com extensão de 30,5 metros e espaçadas em 2,10 metros entre si. As vigas são entremeadas por vigotas aparentes do tipo laje-painel. Uma segunda malha de vigas perpendiculares segue as divisões internas dos ambientes e “amarra” o conjunto. Em alguns pontos específicos (galeria de acesso, banheiros, circulações e trechos internos da sala e varanda) a colocação das vigotas da laje-painel é interrompida por claraboias lineares de iluminação e/ou ventilação naturais. Grande parte das luminárias é embutida nessas claraboias.

Autores:
Daniel Mangabeira, Henrique Coutinho e Matheus Seco
Coordenação: Victor Machado e Giovanni Cristofaro 
Colaboração: Luciana Ribeiro
Superfície Construída: 500m2
Projeto: 2018
Construção: Grid Engenharia
Obra: 2020-2022
Fotos: Joana França

Seta